Print Friendly Version of this pagePrint Get a PDF version of this webpagePDF

sábado, 31 de maio de 2014

NÃO EXISTE IDADE PARA AMAR


Muitos são os que acham que o amor romântico é privilégio dos jovens. Se enganam, pois os anseios amorosos persistem ao longo de toda vida.
Hoje a vida média cresceu muito, de modo que muitos são os que estão sozinhos depois dos 50 anos; e eles também buscam parceiros românticos.
Os anseios românticos continuam intensos nos mais maduros; assim, é provável que muitas relações de qualidade comecem depois da juventude.
Os homens mais velhos e imaturos tendem a achar mais graça nas mulheres mais jovens; mas os mais românticos preferem as da sua faixa etária.
Os que se tornaram competentes para ficar consigo mesmos estão livres de um perigo comum entre os jovens: evitam os vínculos de má qualidade.
Mulheres com mais de 50 anos costumavam desistir da busca de uma vida amorosa rica e gratificante; hoje tudo mudou e cabe manter o otimismo.
A grande diferença entre os elos sentimentais da mocidade e os da maturidade é que esses últimos nem sempre pedem compromisso matrimonial.
Gykovate